a política na vertente de cartaz de campanha

Buzz this

O toque de Éolo

A solução para a lentidão portuguesa, seja da burocracia, seja da justiça, é simples: envolver Sócrates. Tudo onde o homem entra é simplex, desde os licenciamentos em tempo record, passando por processos que subitamente saem de uma hibernação de anos, constituindo-se arguidos e levantando-se o segredo de justiça em apenas algumas semanas.

O processo Casa Pia não avança? Coloque-se Sócrates no processo. O projecto de licenciamento da sua vivenda ganha pó em alguma secretária na câmara municipal? Dê-o ao engenheiro. Os casos de Felgueiras, Isaltino e Ferreira Torres mais parecem os intermináveis Morangos com Açúcar? Envolva-se o o primeiro-ministro. Na faculdade já o consideram parte da mobília e não há maneira de ter o canudo na mão? Imite Sócrates.

Não é o toque de Midas que Sócrates tem. É o de Éolo. Tudo que o homem toque irá de vento em poupa.Especialmente se for urgente limpar a imagem em véspera de eleições.


3 comments :

  1. O Guardião disse...
     

    Vai ser difícil esconder o nariz, qualquer que seja a aceleração dada ao processo Freeport, embora vá inevitavelmente dar em nada como os outros onde estão envolvidos os "grandes" cá do burgo.
    Cumps

  2. Sísifo disse...
     

    Nem Éolo era tão rápido assim a saltar de trapalhada em trapalhada. Por outro lado, a comunicação social, com excepção do «Público» e da TVI, é acéfala, melhor, é só Éolo no cérebro.

    Já agora, embora nada tenha a ver com o «post»: como é que inseriu aquelas etiquetas no topo da página?

  3. Fliscorno disse...
     

    Olá rei de Ephyra ;-)

    coloquei num Google Doc as instruções para mudar a posição das etiquetas. Está aqui:

    http://docs.google.com/Doc?id=dgcdxd8h_3fvdhfphb

    Boas postagens.

Enviar um comentário