a política na vertente de cartaz de campanha

Buzz this

Antes e depois

Imagem construída com os PDF disponibilizados pelo Público

O Ministério da Educação resolveu corrigir um erro menor numa prova de exame, publicando no site do ministério a versão corrigida em lugar da versão dada aos alunos. Eu cá acho que este acto marca o início de uma bela atitude e espero ver outros erros corrigidos já a seguir.Só para citar alguns: o Estatuto da Carreira Docente, o Estatuto do Aluno, a forma burocrática e inútil de avaliar os professores, o excesso de disciplinas por ano e a nivelação da exigência por baixo.


2 comments :

  1. Anónimo disse...
     

    Não foi este o único erro. As grelhas de correcção dos Testes Intermédios de Biologia Geologia do 10/11 anos também estavam incorrectas. Apercebi-me quando um aluno me alertou para o facto de ter surgido "on line" uma "nova" versão das mesmas. Os testes estavam já corrigidos e a classificação escrita por extenso nas provas. Resultado: fazer de novo e entregar os testes todos, mas todos rasurados... Este é o rigor e a copetência do actual Ministério da Educação. Não há paciência!

  2. Fliscorno disse...
     

    Interessante. Se tiver algo de factual (como por exemplo a grelha antiga e a nova) que me possa mandar para o mail, agradeço e publico aqui.

Enviar um comentário