a política na vertente de cartaz de campanha

Buzz this

Novo blog: "Para memória futura"

Comecei há dias o blog "Para memória futura", com o lema "coisas de hoje para encontrar amanhã".  Tem-me acontecido esporadicamente ter lido um texto e, querendo depois a ele voltar não saber, não me recordar do seu local de publicação.Com este blog pretendo menorizar este problema pessoal. E se a alguém também for útil, melhor.


4 comments :

  1. António de Almeida disse...
     

    Se bem compreendi funciona como um arquivo de favoritos. Pode ser um interessante sítio de consulta, tem é de compartimentar muito bem as tags.

  2. Isabel Magalhães disse...
     

    Boa ideia.

    Vou ser utilizadora, pode crer.

    Abraço

    IM

  3. O Guardião disse...
     

    Fiquei curioso, principalmente para ver como é que isso se pode fazer.
    Cumps

  4. Fliscorno disse...
     

    A ideia é essencialmente essa, António. Um repositório de textos que tenham despertado interesse ou que me pareça que no futuro venham a dar jeito. Neste último aspecto, nós sabemos como a palavra dos políticos é volátil, dizendo hoje e contradizendo amanhã. Ora quando chega a hora de verificar a coerência do discurso, muitas vezes me aconteceu não voltar a encontrar o texto certo. Sabendo em que site procurar fica mais fácil, daí o papel de repositório deste blog. As tags ajudarão muito e isso é coisa que ainda não comecei a usar. No Fliscorno uso-as de uma forma coerente mas a funcionalidade de pesquisa tem ajudado mais do que as tags. O que mostra que as palavras chave precisam de ser afinadas :)



    Isabel, este blog terá, naturalmente, um interesse mais pessoal, pois os conteúdos são seleccionados em função do próprio autor... Como escrevi, se mesmo assim tiver interesse para terceiros, melhor.





    José, aqui a implementação não tem nada de especial pois trata-se simplesmente de publicar como noutro blog qualquer. No "para memória futura" uso a publicação por mail, recorrendo ao copy-paste. Outras soluções de cariz mais tecnológico seriam possíveis para, em particular, ajudar no processo de republicação. Há a questão de direitos de autor, também... Darei sempre os devidos créditos mas mesmo assim há ainda outros aspectos relacionados. Com o passar do tempo logo se verá se serão precisas medidas específicas (como transformar o blog em leitura só por convite, limitando o número de convidados).

Enviar um comentário