a política na vertente de cartaz de campanha

Buzz this

Até sempre

Quando comecei este blog tinha em mente ir olhando para a política como se esta fosse um cartaz de campanha permanente, feita de frases apelativas, com belos momentos de imagem e com pouco sumo. Agradeço a toda a classe política ter-me facilitado a vida.
O Fliscorno foi durante quatro anos e tal um espaço onde fui deixando o meu olhar tantas vezes discordante (sempre?) quanto às políticas socráticas. O blog viveu desse dia-a-dia e, ironicamente, termina agora graças a essas mesmas políticas do actual primeiro-ministro, entre as quais os famosos apoios às empresas de que tanto se gaba e que mais não são do que formas de controlo político. É o caso da minha empresa que, por acções concretas desta governação, se encontra em queda livre, o que me leva a procurar outros desafios profissionais, com uma dedicação incompatível com manter este cantinho regularmente actualizado.
Obrigado pelas leituras e pelos comentários. Até sempre.

SGMYZKM2QX6J


26 comments :

  1. Lelé Batita disse...
     

    Jorge
    Lamento que assim seja.
    A tua voz faz falta na blogosfera.
    Espero que consigas rapidamente solucionar a tua situação profissional e que voltes a este espaço.
    Para mim, vai ser um até logo.
    Um beijo e um abraço.

  2. Cristina Ribas disse...
     

    Obrigada, Jorge, por tudo o que deste ao longo deste tempo. Que tenhas muito sucesso nos outros desafios profissionais. Qualquer tipo de apoio vindo de Sócrates, é de desconfiar.
    Um beijinho e, como diz a Lelé, até logo porque, sim, fazes falta!
    Cristina

  3. Miguel Pinto disse...
     

    Espero que te mantenhas por aí, com intermitências, Jorge. Abraço.

  4. zedeportugal disse...
     

    Lamento a paragem do blogue e desejo o maior sucesso nos "outros desafios profissionais".
    Um grande abraço e até que lhe seja possível regressar. :)

  5. Zé Povinho disse...
     

    Felicidades para os novos desafios e cá ficamos à espera de um regresso após alguma estabilização. Todos somos poucos!
    Abraço do Zé

  6. vieiragomes disse...
     

    As melhores venturas para o(s) teu(s) novo(s) projecto(s).
    Volta, quando puderes. Até já e um grande abraço.

  7. Fenix disse...
     

    Caro Jorge,

    Vai fazer-nos muita falta. Obrigada por toda a informação e todos os sorrisos que me proporcionou.
    Felicidades para o futuro!
    Força!

    Abraço
    Ana

  8. Fliscorno disse...
     

    Obrigado, é deveras simpático da vossa parte.

    Tudo na vida tem etapas e outra aí vem.

  9. Cristina Ribas disse...
     

    :)
    Que a nova etapa corra bem!

  10. Ramiro Marques disse...
     

    Fliscorno
    Tenho pena. Vinha aqui todos os dias. Espero que o teu novo emprego te realize. Se quiseres, tens espaço no ProfBlog.
    Abraço.

  11. Fliscorno disse...
     

    Obrigado Cristina, obrigado Ramiro. Preciso duma sabática :)

  12. Margarida Alegria disse...
     

    Jorge:
    Fico com muita pena!
    O teu blogue faz falta.
    Não costumava comentar mas visitava-o amiúde.
    Desejo que tudo te corra bem no novo desafio profissional!
    E, como disseram outros acima, também acho que vai ser apenas um "até logo".
    Por isso, até breve!

  13. Fliscorno disse...
     

    Obrigado Margarida :)

    Mas porque estes que nos governam continuam a ser fonte inspiradora de tanta parvoíce, de vez em quando postarei umas tontices no Aventar, onde continuo, se bem que de forma irregular. Ossos do ofício.

    Hoje saiu uma destas:
    imPECados

  14. GMaciel disse...
     

    Lamento séia e sinceramente a perda desta voz. Quando mais falta nos faz, ainda por cima.

    Sucesso e felicidades nos novos projectos e até sempre - ou quando a vida o permitir.

    abraço

  15. Pata Negra disse...
     

    Raposa Velha, há alguns dias que ando para deixar um comentário. Afinal de contas custa comentar este adeus, espero que breve. Tanto como a qualidade, a inteligência, a perspicácia, a imaginação a que nos habituaste, importa relevar as amizades que por aqui à volta se foram criando. Isto da "nossa" blogosfera não acaba assim por dá aquela palha, por novos "caralivros", proque estamos num momento com menos tempo, menos pachorra, mais projectos ou mais trabalho! Voltarás! E, enquanto não voltas, fica com um grande abraço de reconhecimento e de amizade. Um dia destes ainda nos vamos encontrar à volta de um palhete!
    Um abraço de rei, de pata, sei lá, de eu mesmo...

  16. João disse...
     

    Um abraço, Jorge. Gostei de comentar quando por cá andei e não esqueço os votos de boas festas sempre oportunos. Também eu ando desligado da blogosfera, só o blogue do Paulo Guinote me faz ainda mergulhar por aqui de vez em quando.
    Felicidades!

  17. Fliscorno disse...
     

    Obrigado Graça. Andarei por aí.


    Pata Negra, pois eu cá sou adepto dum belo palhete ao som dumas guitarradas :) Venha ele! Nós vamos umas vezes, voltamos outras. Realmente, agora soa-me a definitivo demais o título do post, que agora antes lhe chamaria um até logo.



    João, outro para ti por entre fotos e fotinos ;-)

  18. Alien David Sousa disse...
     

    FOD$%&!!!

    Mais um blog que gostava de visitarb fecha as portas. Não acho bem, não não acho! Não te vou dizer para ficares apenas quero que saibas que estou mesmo FODI%$!

    Beijos

  19. Ana Pajarita disse...
     

    Oh!... Não sabia que tinhas fechado o blog...
    Aeternum vale?...

  20. one hundred trillion dollars disse...
     

    In com patível

    sempre é melhor que

    In com patíbulo

  21. Alien David Sousa disse...
     

    Estou seriamente chateada contigo, e não é que fechaste mesmo o blog?!?! :/
    kisses

  22. Isabel Magalhães disse...
     

    Lamento imenso. Ao longo do tempo, e apesar de não nos conhecermos, fomos criando laços de amizade para além da 'blogamizade'. Votos de muito sucesso na nova etapa.

    Pensamento positivo. Quando se fecha uma porta abre-se uma janela... ou várias.

    Bj.

    I.

  23. Ferroadas disse...
     

    O facebook fez-me (e sou só eu? onde estão os outros?) desligar um pouco as visitas que mantinha (quase) diariamente a vários blogues de referência, o teu entrava nesse rol. Como vês, só agora cá vim meter o bedelho e fiquei chateado, confesso. Se a culpa do teu abandono mesmo que temporário é a porra do dito (facebook) manda o gajo à fava, se é devido a alguma situação extemporânea com o sistema, olha, mete umas férias, bebe umas bejecas e, como sabes, a luta continua.

    Abraço

  24. quink644 disse...
     

    Deixa-te de coisas, uma pausa pode-se sempre fazer... Bem sei que a maior parte desta canalha nossa conterrânea o não merece, mas in dubio pro reu...

  25. Fliscorno disse...
     

    Bom, fechei a loja numa madrugada agitada e saltei para um centro comercial. Ando pelo Aventar.

    A história aqui foi como a contei no post. Entretanto, as coisas resolveram-se (ufa!) e tenho satisfeito o vício nas postagens do Aventar. Este espaço, bem, depois das eleições vê-se.

    Links:

    Aventar: http://aventar.eu
    O meu feed: http://aventar.eu/author/fliscorno/feed/

  26. iPad Portugal disse...
     

    Até sempre, a esperança que voltes não morre.

Enviar um comentário