a política na vertente de cartaz de campanha

Buzz this

Parabéns ao visitante n.º 5,235

Para quê celebrar os números redondos? 1,000 visitas? 1,000,000 de visitas? Nããããã, isso é coisa vulgar.

É muito mais interessante celebrar, por exemplo, a visita n.º 5,235 ou o page view 7,930.

Por isso, caro visitante n.º 5235, seja muito bem vindo a este blog e volte sempre. Mesmo que trabalhe no gabinete do Ministro das Finanças.

Mas guarde para si essa sua preferência, digo eu que apenas sou um anónimo cidadão, pois o Chefe do seu Chefe, o Lic. em Eng.ª pela futura ex-Universidade Independente José Sócrates, não recomenda que as pessoas leiam blogs. Em especial esses blogs demoníacos como o We Have Kaos in the Garden, mesmo que seja, na minha modesta opinião, um dos mais criativos bloggers que por aí andam. Ou muito menos o Do Portugal Profundo, que nem sei como é que a Firewall do seu ministério não bloqueia pura e simplesmente. E que dizer do contundente Jumento, que umas vezes vos dá umas benesses e noutras as tira?

Se por acaso o aborrecerem por andar a surfar nos blogs em horário laboral, num emprego pago com os nossos impostos, diga apenas que estava a fazer trabalho de assessoria ao Governo, na área da relação com a Imprensa e a outra opinião escrita. Nós sabemos que o Governo não tenta controlar nem a imprensa nem os blogs, mas... pode ser que acreditem em si e até lhe dêem um louvor.

Deixo-lhe, a seguir, os certificados comprovativos da sua visita, que pode imprimir e emoldurar. Volte sempre e comente à vontade.

ministério das finanças

ministério das finanças

ministério das finanças

ministério das finanças


[EDIT] nos comentários acrescentei uma breve nota técnica


6 comments :

  1. Boo² disse...
     

    Usarei a citação sobre o formado na universidade frequëntemente em meus discursos, citando a referência obviamente.

    Hahahahaha... e não, o Governo não tem interresse em controlar essas coisas. Piada do dia. Eu desenharia uma tirinha.

  2. Kaos disse...
     

    Coitado de mim. Eu que tenho um blog que não faz mal a ninguém e agora é demoniaco. Mas, se isso os irritar então não me importo :)
    Obrigado pelas tuas simpáticas palavras.
    abraço

  3. Raposa Velha disse...
     

    Boo²: mas nós sabemos que tudo o que o governo faz é no interesse dos cidadãos... ;)

  4. Raposa Velha disse...
     

    kaos: depois do que o Sócas disse, parece-me que todos os blogs são obra do demónio. Bem, se calhar aquele feito pelos assessores do António Costa, em seu nome, não o será... ;-)

  5. Raposa Velha disse...
     

    Colocaram-me as questões seguintes, cujas respostas aqui partilho.

    Foi feita uma busca com fliscorno para chegar ao blog?
    É verdade, foram ao site http://blogsearch.google.com e digitaram esta expressão de pesquisa:
    fliscorno blogurl: http://fliscorno.blogspot.com

    O resultado é que aparecem todos os posts do meu blog, sem imagens e em forma de sumário, que podem ser ordenados por data. É uma óptima forma de olhar de forma sintética para um blog e é também a forma mais eficaz de monitorizar um conjunto de blogs, lendo apenas na diagonal.

    Que artigos estavam a ler?
    Os contadores de acessos registam muita informação, incluindo de onde se veio. Isto é possível graças à informação disponibilizada pelo browser.

    E daí dá para ver que links tomaram ao sair do teu blog?
    O contador de acessos muda a página do blog depois de carregada para que, quando se muda de página, o contador de acessos seja disso informado e para que receba informação sobre a página para onde se foi.

    Às tantas aquilo que diz ministro pode ser uma abreviatura de ministério...
    Aquilo do ministro deve ser lido como o Internet Provider do ministério das finanças.

    Na minha opinião deve ser um tacho que lá trabalha e que como não tem que fazer surfa um pouco.
    É alguém que trabalha para o ministério (não necessariamente no gabinete do ministro) e que
    a) aproveitou algum momento livre para surfar por aí;
    b) ou faz parte da equipa de assessores de imprensa, cujo trabalho é seguir a comunicação social e afins (blogs incluídos).

    Eu iria para a hipótese b), pela forma como o meu blog foi pesquisado. É que quem quer ler, abre a página na totalidade, pois o conteúdo gráfico não é mostrado naquela forma sumária de ver. Quem veio ao blog daquela forma queria mesmo uma leitura em diagonal. E depois para os blogs para onde foi....

  6. Raposa Velha disse...
     

    O Jumento, que está mais a par do contexto do que eu, acha que foi "muito provavelmente um funcionário de uma das três direcções-gerais que usa a rede Ritta, da DGCI, da DGAIEC ou da DGITA, que no Sitemeter fica registado como ministério das Finanças. Mas como se pode ver na hora registada pelo Sitemeter o visitante não estava a ver o Fliscorno em hora de serviço até porque para a maioria dos funcionário o acesso à web só é viabilizado nas "happy hours", portanto, o funcionário visitou o Fliscorno respeitando todas as normas."

Enviar um comentário