a política na vertente de cartaz de campanha

Buzz this

Boicote em rede



Apesar de campanhas diferentes, o objectivo tem sido o mesmo: boicotar a empresa que domina o mercado. Mais: ver A barbearia do senhor Luís.


10 comments :

  1. Carminda Pinho disse...
     

    E fez muito bem!
    Os bloggers unidos.....
    Abraço

  2. O Guardião disse...
     

    Fartos de Golpadas estamos nós. Agora vou onde for mais barato, e a Galp nem é opção.
    Cumps

  3. Belzebu disse...
     

    Eles não vão ceder facilmente mas merecem um puxão de orelhas! A onda de indignação tem vindo a aumentar e devemos dar um sinal claro, que estamos fartos desta especulação!

    Aquele abraço infernal!

  4. Diogo disse...
     

    A Galp é propriedade das grandes petrolíferas que vendem toda a gasolina em Portugal. Não comprar na Galp é como preferir pagar na caixa 5 em vez de na caixa 6 no Continente. É igual ao litro.

  5. Diogo disse...
     

    A Galp é propriedade das grandes petrolíferas que vendem toda a gasolina em Portugal. Não comprar na Galp é como preferir pagar na caixa 5 em vez de na caixa 6 no Continente. É igual ao litro.

  6. RCataluna disse...
     

    Caro Raposa Velha:

    Apenas para dizer que já espalhei a palavra!

    Vamos lá a ver se acordam.

    Abraço!

  7. Marreta disse...
     

    Nã! Isto é pura visão de futuro. Reduzir ao máximo os veículos a circular, aumentando ao máximo os preços dos combustíveis. No fundo, proteger a CAMBADA DO OZONO e garantir o futuro da humanidade.
    Saudações ecológicas do Marreta.
    GASOLINA A 50 EUROS/LITRO!

  8. am.ma disse...
     

    Há já vários anos que deixei de frequentar a Galp, porque a certa altura reparei que o consumo do carro aumentava consideravelmente sempre que lá abastecia...
    De qualquer modo, acho uma óptima iniciativa e vou levar uma das suas imagens lá para o meu blogue.

  9. Eva disse...
     

    Onde pára a união?
    Pelo que me é dado a ver galp's e afins continuam a vender em grande.
    E é engraçado que hoje ao abastecer num Intermarché (1.41/l s/ chumbo 95) tive como resposta que não houve aumento de vendas apesar dos boicotes e o mesmo já se tinha passado na Agip na 4ª feira :-S
    Temos o povo que temos: conformadinhos, sem levantar ondas e a unirem-se em torno futebol. Já reparaste na nova onda das bandeiras nas janelas e nos carros?

  10. Pata Negra disse...
     

    Pelo que me é dado a observar, nota-se menos movimento nas bombas da GALP. Será menor o efeito de dois ou três dias de boicote, o boicote terá de ser continuado! Eu, quando passo a umas bombas da GALP apito, é o meu sinal para clientes e para gasolineiros.
    Que ninguém espere um resultado com um gesto pontual, a luta terá de ser continuada!
    Um abraço com uma palavra a dizer

Enviar um comentário