a política na vertente de cartaz de campanha

Buzz this

Solidariedade nacional com Ricardo Gonçalves

image

Organizemos uma recolha de alimentos para constituir o banco alimentar de apoio ao deputado Ricardo Gonçalves e demais parlamentares. Colabore e mate a fome a um pobre deputado sem dinheiro para jantar*.

"Se abrissem a cantina da Assembleia da República à noite, eu ia lá jantar. Eu e muitos outros deputados da província. Quase não temos dinheiro para comer"

Ricardo Gonçalves, deputado

 

* para além dos 3700 € mensais mais os 60€ diários de ajuda de custo



10 comments :

  1. O Guardião disse...
     

    Alguém lembrou a este esfomeado que são poucos os trabalhadores portugueses que têm por perto uma cantina que pratique precos destes? É que a maior parte dos portugueses não ganha os 5.000 euros que ele ganha e tem que se alimentar.
    Com este gajo não consigo ser solidário, porque o meu estômago não aguenta.
    Cumps

  2. zedeportugal disse...
     

    Eu dar... até lhe dava. Comida de urso, como o meu pai me prometia quando eu me armava em alarve ou comilão.

  3. Kruzes Kanhoto disse...
     

    O senhor, coitado, necessita comer muito porque tem uma solitária. Uma bicha, portanto.

  4. Fliscorno disse...
     

    Ó Guardião, o homem é um pobre operário que até come na cantina...





    Comida de urso? Ah essa não conhecia





    Uma solitária LOLLLLL

  5. Ricardo Gonçalves disse...
     

    COMUNICADO
    São-me atribuídas afirmações que no essencial nunca proferi. São falsas e injustas. Limitei-me a constatar o facto de que os políticos têm os maiores cortes nos vencimentos - não critiquei esse facto, nem me queixei da situação.
    Sei bem as dificuldades e angústias pelas quais os portugueses estão a passar. Disse e mantenho que os políticos devem dar o exemplo em todos os aspectos, devendo ser os primeiros a assumir as medidas de austeridade. Terão que se adaptar à crise - nem que para tal seja necessário abrir a cantina da Assembleia da República à noite, para que lá coma quem quiser. Não vejo nisso nenhum problema, é um espaço gerido por uma empresa privada, sendo um sítio digno e aprovado pela ASAE. Usei este exemplo forte para que as pessoas percebam até que ponto pode chegar a situação difícil que o País vive e para a qual eu alerto há muitos anos.
    Nunca foi o dinheiro que me moveu na política, como facilmente posso demonstrar pelo meu património móvel e imóvel.
    Não concebo (nem tal pode ser permissível) que se trunquem declarações, e que se inventem situações – tal como alguns órgãos de Comunicação Social terem afirmado que várias pessoas abandonaram a sala quando falei sobre os cortes nos vencimentos da Função Pública e dos políticos. É uma mentira. E tal é facilmente demonstrável.
    Por terem mentido propositadamente, distorcendo grosseiramente tudo o que disse e inventando malevolamente frases que não proferi em local algum, pondo em causa a minha honra e dignidade pessoal, vou accionar os mecanismos legais ao meu alcance para que seja reposta a verdade.
    Estarei disponível para prestar esclarecimentos adicionais.

    Ricardo Gonçalves
    Lisboa, 8 de Outubro de 2010

  6. Eva disse...
     

    É desta que vem um aí um processo.
    E viva a Democracia!

  7. Anónimo disse...
     

    Bai-te quilhar, ó "deputado". Tu e mais os outros 229 chulos.

  8. Anónimo disse...
     

    Sr. Deputado esclareça-me uma dúvida: as suas declarações foram proferidas ao Correio da Manhã e foram aproveitadas, citando a fonte, blogosfera fora. Então, conte lá, quem vai processar, afinal?

  9. Fliscorno disse...
     

    Parece que é mesmo o CM que vai ser processado lol

  10. Fliscorno disse...
     

    Depois admiram-se que o dinheiro não chegue para tudo

Enviar um comentário